quinta-feira, 28 de julho de 2016

Orquestra Filhos de Brejão no FIG 2016.


Com mais uma grande apresentação, a Orquestra Filhos de Brejão marcou a sua participação pelo segundo ano consecutivo no Orquestrando no FIG, nesta quinta-feira (28), em palco montado em frente à Prefeitura de Garanhuns, dento dos eventos do Festival de Inverno – FIG 2016.

Os agradecimentos são para a dedicação constante de César Monteiro inserindo os jovens de Brejão em modalidades esportivas, artes, danças e música entre outras. Fruto de um trabalho social desenvolvido pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura que está tendo o reconhecimento tanto no próprio Município, como em cidades vizinha, como é o caso de Garanhuns por meio da Secretária de Cultura Cirlene Leite, ao convidar a nossa Orquestra a participar pela segunda vez no FIG.

Operação Turbulência: 20 pessoas são indiciadas em investigação que envolve Eduardo Campos.


A Operação Turbulência da Polícia Federal (PE) vem desvendando a cada dia os desvios milionário de dinheiro de obras públicas para cobrir gastos de campanhas de ex-Governador e Senador da Republica, uma verdadeira vergonha para o Estado de Pernambuco.

Os empresários João Carlos Lyra Mello Filho, Eduardo Freire e Apolo Santana Vieira, apontados na Operação Turbulência como os compradores do avião Cesna, que vitimou o ex-governador Eduardo Campos (PSB) durante a campanha presidencial de 2014, foram indiciados por organização criminosa, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica junto a mais 17 investigados pela Polícia Federal (PF). De acordo com o Jornal Correio Braziliense, Lyra é indiciado ainda como o operador de propinas para o Senador Fernando Bezerra Coelho (PSB) e o ex-governador  Eduardo Campos.

Segundo informações relatadas pelo jornal, com base num relatório da PF, a delegada Andréa Pinho Albuquerque atesta que os três empresários eram os "principais integrantes" do esquema de arrecadação de dinheiro para lavagem. Bezerra Coelho, como tem foro privilegiado, responde a inquérito sobre fatos semelhantes no Supremo Tribunal Federal (STF).

terça-feira, 26 de julho de 2016

Turbulência: relatório do MPF e Policia Federal diz que João Carlos Lyra era ‘laranja’ de Eduardo Campos.


Provas compartilhadas pelo ministro Teori Zavascki, relator do caso da Lava Jato no STF (Supremo Tribunal Federal), trazidas ao bojo da Operação Turbulência, deflagrada pela Polícia Federal de Pernambuco, no mês passado, apontam que o empresário João Carlos Lyra Pessoa de Melo Filho, um dos supostos cabeças do esquema, era beneficiário do dinheiro desviado da construtora Camargo Corrêa, na refinaria Abreu e Lima, e uma espécie de “laranja” do ex-governador Eduardo Campos, morto em agosto de 2014, em meio à campanha presidencial, na queda de um avião Cessa Citation, em Santos, São Paulo. De acordo com as investigações do MPF e Polícia Federal, a referida operação esteve relacionada ainda com a campanha de reeleição do socialista ao governo do Estado, em 2010.

Os documentos do STF foram usados pelo desembargador federal Iran Lira de Carvalho, relator da operação Turbulência no Tribunal Regional da 5ª Região (TRF5), como um dos argumentos para negar o pedido de soltura do empresário João Carlos Lyra, no começo deste mês.

De acordo com as informações do inquérito do STF, o empresário João Carlos Lyra foi reconhecido pelos ex-empregados da Camargo Corrêa Gilmar Pereira Campos e Wilson da Costa como sendo a pessoa encarregada de entregar a propina devida por aquela empreiteira ao ex-governador Eduardo Campos e ao senador Fernando Bezerra Coelho em virtude das obras da refinaria Abreu e Lima.

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Gilmar Mendes diz que fim de financiamento privado foi um 'salto no escuro'.


O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, declarou nesta segunda-feira (25) que a proibição do financiamento privado para as campanhas sem mudança no sistema eleitoral foi um "salto no escuro". Para Mendes, a eleição municipal deste ano é um "experimento institucional" e em novembro deverá haver uma discussão sobre uma reforma no sistema eleitoral.

Ele disse que há a preocupação no TSE de que "organizações criminosas atuem de maneira mais enfática" no processo, em outubro. Um dos principais desafios, de acordo com o ministro, é fiscalizar quem são os doadores pessoa física para saber se têm condições de repassar a quantia declarada aos candidatos.

Ele informou que há preocupação de que haja compra de CPFs, como tentativa de burlar as novas regras. Mendes também reforçou que há uma preocupação com a realização de caixa 2, considerando o teto de gastos fixado em um valor mais baixo do que em eleições anteriores e a falta de recursos regulares.

domingo, 24 de julho de 2016

Caminhada da Cachoeira.


Um passeio em família. Assim foi mais uma edição da Caminhada da Cachoeira neste domingo (24.07). Como de costume César Monteiro a frente da organização com apoio de Cícero Bezerra que nos cedeu a sua casa para o café da manhã e saída da caminhada  até Só Deus é Grande, um percurso de aproximados 12 Km, com almoço na casa da família de Vilma Simão, a quem agradecemos por nos recepcionar.

Álbum 1.
Álbum 2.

sábado, 23 de julho de 2016

Caixa corta Minha Casa Minha Vida para pobre e financia imóveis para ricos.


A Caixa anunciou na segunda-feira 18 que passará a financiar imóveis de até R$ 3 milhões, o dobro do limite de financiamento em vigor até agora, de R$ 1,5 milhão. A medida, que começa a valer já na segunda-feira 25, prevê ainda o financiamento de uma parcela maior do valor do imóvel por meio do Sistema Financeiro Imobiliário (SFI), modalidade que não utiliza dinheiro do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

A cota de financiamento para imóveis usados subirá de 60% para 70% do valor total. E para compra de imóvel novo, construção em terreno próprio, aquisição de terrenos e reforma ou ampliação, a cota passou de 70% para 80%.

O diretor executivo do Sindicato e empregado da Caixa, Dionísio Reis, destaca que a política é equivocada e classista e lembra que uma das primeiras medidas do governo Temer foi revogar, em 17 de maio, portaria da presidenta eleita Dilma Rousseff que ampliava o programa Minha Casa, Minha Vida, que financia imóveis para a população de baixa renda. Diante de manifestações em todo o país dos movimentos de luta por moradia, o governo interino voltou atrás e relançou a portaria no início de junho.

“A direção do banco público anuncia financiamento maior para ricos ao mesmo tempo em que ameaça a continuidade de programas sociais que promovem inclusão da parcela mais pobre da população. Essa medida mostra claramente que Temer e seus aliados governam para os mais ricos”, critica Dionísio.

sexta-feira, 22 de julho de 2016

Governador Paulo Câmara leva nome de golpista dentro da Catedral de Santo Antônio.


Já está em blogs como o de Carlos Eugênio e no V & C Garanhuns, além de circular nas redes sociais. O governador Paulo Câmara (PSB), passou pelo maior constrangimento, ontem à noite, na cidade, durante a abertura do FIG. Duas pessoas não identificadas chamaram o socialista de golpista aos gritos, dentro da Catedral de Santo Antônio, deixando o líder político pernambucano na maior “saia justa”.

Já o garanhuense Edney Souto, que também assina um blog na internet, escreveu na sua página do Facebook:

“Na abertura do Festival de Inverno de Garanhuns alguns jovens valentes foram agradecer a Paulo Câmara tantos feitos pela cidade, Pernambuco e nossa região.  Disse que foi um constrangimento do tamanho de um trem, calça justa, lencinho enxugando o suor do nervosismo, isso em plena Catedral. O povo não é mais bobo, bobo é o bobo que pensa que o povo é bobo.... Parabéns, melhor momento do Festival....”
Do Blog de Roberto Almeida.

quarta-feira, 20 de julho de 2016

SOM DAS DISCOTECAS ( 70 & 80 ) 1 HORA OF MUSIC NON STOP

Datafolha admite erro pró-Temer em sua pesquisa.


No último domingo, a Folha de S. Paulo publicou uma pesquisa feita sob medida para legitimar o golpe parlamentar no Brasil. O levantamento informava que 50% dos brasileiros defendem que Michel Temer continue na presidência, 32% querem a volta da presidente Dilma Rousseff e apenas 3% são favoráveis à tese de novas eleições (leia aqui).

No mesmo dia, reportagem do 247 esclareceu que se tratava de uma evidente fraude estatística. O motivo: outros institutos, como o Ibope e o Paraná Pesquisa, haviam feito pesquisas indicando que 63% querem novas eleições – número próximo ao de uma pesquisa do próprio Datafolha realizada em abril (leia aqui). Como Temer não realizou nenhum milagre nos últimos dois meses, tendo inclusive perdido ministros por denúncias de corrupção e adotado medidas impopulares, como aumentos de servidores públicos, nada explicaria que os 63% a favor de novas eleições virassem 3% em tão pouco tempo.

Tendência de deserção de prefeitos é alta no Brasil.


Não é só no Estado que a taxa de desistência dos prefeitos é elevada. A Confederação Nacional de Municípios (CNM) está finalizando estudo sobre reeleição no Brasil e a previsão é que o índice de deserção também seja alto. A expectativa é que os números sejam divulgados ainda esta semana.

Presidente da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe) e prefeito de Ingazeira, Luciano Torres, afirma que a desistência resulta da crise econômica, que se desdobra nas contas dos municípios.

"Muitos prefeitos não conseguiram fazer grandes trabalhos ou estão com obras travadas. A folha de pagamento também é enorme e isso resulta na avaliação baixa do prefeito no período eleitoral", justifica Torres.

terça-feira, 19 de julho de 2016

Quadra Velha pode vir a ser o Centro Administrativo.


"Matéria publicada neste Blog, em 21 de abril de 2015, quando o Vereador Luciano ainda fazia parte da base política de Ronaldo Ferreira".

O Vereador Luciano Tenório está fazendo uma indicação na Câmara dos Vereadores de Brejão, no mínimo plausível, haja vista que aquela Quadra nunca foi entregue de fato à população, faltando a sua conclusão e prestação de contas junto aos órgãos financiadores, o que impossibilita a Prefeitura em fazer por conta própria, alguma reforma.

A Câmara de Vereadores deliberando a favor da indicação do Vereador Luciano fará com que um bem público que está se esvaindo pelo tempo seja de fato útil para a nossa cidade.

Veja na integra a indicação do Vereador Luciano:


INDICAÇÃO DO VEREADOR LUCIANO EM DEFESA DO POVO

INDICAÇÃO   N°          /2015

           O Ver. José Luciano Tenório da Silva, requer a Mesa  Diretora, que depois do cumprimento de praxe, dê  ciência ao Chefe do Executivo, da seguinte INDICAÇÃO:          que seja  reaproveitada a quadra poliesportiva, no centro administrativo do nosso município. Pós a mesma se encontra em abandono e péssima condições.

             JUSTIFICATIVA

          Pela necessidade de um centro administrativo para nossa cidade, isso irá evitar tanto dinheiro usado para pagar tanto aluguel. Com um centro próprio ira evitar alugues  que favorece algumas pessoas, vejo eu, como  fiscal do nosso município que aquela quadra estando abandonada deve ser reaproveitada e  reformando em uma coisa útil para o nosso município.

           Brejão PE, 17 de abril 2015.                 
                               
                                     ----------------------------------------------------------------
                                               Ver- José Luciano Tenório da Silva                                                                               
                                                                      Autor

Concluímos que esta será a melhor maneira de não vermos o dinheiro público sumir pelo ralo, transformando aquele espaço em uma área administrativa do município.

Cabe, agora, o entendimento e bom senso dos nossos Vereadores, embasados em argumentos jurídicos em aprovar tal indicação.

Hoje: 19 de julho de 2016.

A matéria acima foi postada em 21 abril 2015 e até hoje não vimos nenhum pronunciamento, nem do Vereador que fez a indicação, e muito menos dos outros Vereadores da Oposição.

Motivo: 

Acreditamos que por a obra nunca ter sido concluída e tão pouco terem prestado contas junto aos órgãos financiadores, é que não tivemos respostas para a indicação do Vereador Luciano.

 A Quadra está se acabando aos pouco e a atual gestão não pode fazer nada. O Prefeito Ronaldo não pode responder por irregularidades do governo passado. De certo que o Município arcou com o descaso deixado, porém, tomou as medidas jurídicas cabíveis para que os responsáveis arquem com os danos que provocaram a população. E não é só a Quadra que está nesta situação, estão também o Estádio Municipal, a Academia da Saúde, o Centro de Artesanato. Obras iniciadas e não concluídas pela administração passada.

Com muito esforço do Prefeito Ronaldo Ferreira é que se conseguiu salvar o Projeto do Minha Casa Minha Vida Urbano. Projeto, esse, abandonado depois da derrota nas Eleições de 2012 e salvo no início de 2013 pelo esforço da nova Gestão, construindo 37 casas. E esforço maior se fez para a conclusão do PSF do Mandacaru, também abandonado, e hoje é uma obra concluída e está servindo à população.

Brejão tem Política diferente este ano.


O empresário Janduhy Bezerra (PTB), pré-candidato à prefeitura de Brejão, é  um político diferenciado em relação a outros políticos da região. Educado, organizado, planeja cada passo de sua campanha como se estivesse na frente de um organograma de uma empresa. Está sendo assessorado pelo marqueteiro Amílcar, que tem um perfil até parecido com o petebista.

Embora tenha o apoio do atual prefeito de Brejão, Ronaldo Ferreira, Janduhy possivelmente terá como slogan de campanha a frase “Um Novo Tempo, Uma Nova História”, passando a ideia de renovação e melhores dias para a população do seu município.

O adversário do empresário ainda não está definido. O ex-prefeito Sandoval Cadengue (PSB), que é o nome mais forte na oposição, saiu na lista dos políticos inelegíveis do Tribunal de Contas do Estado e vai depender do julgamento da Justiça Eleitoral, para se saber se participa ou não da disputa.

Joseraldo, que também foi prefeito e é aliado de Sandoval, está na mesma lista do TCE.

É uma situação curiosa esta de Brejão: Quem é governo acena com renovação, enquanto a oposição, ainda sem candidato definido, faz críticas ao prefeito Ronaldo.

Mas ele nem está na disputa.
Do Blog de Roberto Almeida.

quinta-feira, 14 de julho de 2016

Chapa João Paulo-Sílvio Costa Filho foi avalizada por Lula.


O ex-presidente Lula foi o principal avalista da chapa João Paulo (PT)-Sílvio Costa Filho (PRB) para disputar a prefeitura do Recife nas eleições de outubro próximo. O acordo foi fechado durante jantar que o candidato a vice ofereceu ao ex-presidente em seu apartamento de Boa Viagem na noite da última terça-feira (12).

Estavam presentes o próprio João Paulo, o senador Armando Monteiro (PTB), o presidente estadual do PT, Bruno Ribeiro, a pré-candidata do PT à prefeitura de Olinda, Teresa Leitão e o deputado federal Sílvio Costa (PTdoB).

Na ocasião, foram avaliados os cenários do Recife e Olinda, onde o PT concorrerá às prefeituras com chapa própria.

Todos chegaram à conclusão de que a saída de Sílvio Costa Filho da disputa no Recife não inviabilizará a realização do segundo turno, pois o prefeito Geraldo Júlio (PSB) aparece em todas as pesquisas com uma média de 25% das intenções de voto.
Do Blog do Jakson Fitipaldi.

Faróis de milha não substituem a obrigatoriedade do uso do farol baixo.


A lei que obriga o motorista a usar farol baixo mesmo durante o dia nas rodovias brasileiras não para de causar polêmica. Uma semana após ter entrado em vigor no País, os donos de carros tentam se acostumar a essa mudança de comportamento. Tudo para não ser multado pelas autoridades de trânsito e não ter mais prejuízos. Vale lembrar que os faróis de milha não substituem e obrigação do uso dos faróis baixos.

O poder público não abre mão do uso do equipamento, como exige a legislação.

Punição para quem é flagrado com o farol desligado é multa de R$ 85. A exigência do uso do farol de dia tem alterado o cenário nas cidades. Com medo de entrar em rodovias estaduais ou federais que cruzam o perímetro urbano e esquecer, boa parte dos motoristas passou a ligar o farol o tempo todo, mesmo na cidade.


O problema é que o uso cotidiano dos faróis a partir de agora vai exigir novos cuidados e comportamentos. Os motoristas precisam dar mais atenção às lâmpadas do carro. É porque, se vacilar, vai esquecer tudo ligado. E, quando voltar, pode encontrar a bateria descarregada.

Uma outra cena comum vai ser se deparar no carro de lâmpada queimada. E aí não pode. Até porque circular com o automóvel nessas condições é infração prevista no Código de Trânsito com multa e o veículo ainda pode ser retido até que o motorista faça a substituição da peça. Nas lojas de acessórios, uma lâmpada de farol varia de R$ 40 a R$ 120 no caso de um modelo popular.

Especialistas da área automotiva dizem que a bateria, a longo prazo, não deve sentir tanto as consequências porque a alimentação com o carro ligado é feita pelo alternador. Só vai impactar diretamente se o motorista descuidar e deixar as luzes acesas com o veículo desligado. E isso vai pesar no bolso do proprietário do automóvel. Nas casas especializadas na comercialização de baterias, o equipamento tem preço médio de R$ 350 para 0s modelos populares.

Rodrigo Maia: conheça o perfil do novo presidente da Câmara.


O deputado federal Rodrigo Maia (DEM-RJ), 46 anos, foi eleito na madrugada desta quinta-feira (14), com 285 votos, presidente da Câmara dos Deputados. Maia venceu em segundo turno o deputado Rogério Rosso (PSD-DF), que até então era apontado como candidato favorito do Palácio do Planalto para o cargo. Rosso somou 170 votos. Outros cinco parlamentares votaram em branco.

Rodrigo Maia ficará à frente da Câmara até fevereiro de 2017. Em discurso no plenário da Casa, o deputado vencedor destacou sua biografia e se disse pronto para assumir o comando. “Ofereço a dimensão da experiência que acumulei em quase 20 anos aqui dentro e a correção pela qual pautei minha vida pública”, pontuou Maia.

quarta-feira, 13 de julho de 2016

FIG 2016: Confira a programação completa do evento.


Siba e Karina Buhr são algumas das atrações do 26º Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), que ocorre de 21 a 30 de julho. A programação completa foi divulgada, no fim da manhã desta quarta-feira (13/7), pelo Governo de Pernambuco e Prefeitura de Garanhuns. Antes disso, a Secretaria de Cultura e a Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco já haviam confirmado as participações de Elza Soares, Gal Costa e Alceu Valença, por exemplo.

O FIG 2016 homenageia o músico Naná Vasconcelos e a programação será disponibilizada através de um aplicativo criado para isso. A cerimônia da abertura será na catedral de Santo Antônio, com o grupo Voz Nagô, Zé Manoel e Virginia Rodrigues. Também na lista de apresentações musicais, Alceu Valença, que celebra 70 anos de vida, ainda participa de um bate-papo com o público devido à exibição do filme A Luneta do Tempo durante o festival.

Abaixo, destacamos as atrações do Palco Dominguinhos (e o arquivo com a programaçao completa está disponível aqui). O Palco Pop, agora instalado na frente do Parque Euclides Dourado, tem como destaques deste ano a volta de Volver, na quinta-feira (28/7); Geraldo Maia e Erasto Vasconcelos, na sexta-feira (29/7); e o Grupo Bongar, comemorando 15 anos, no sábado (30/7).

Sexta-feira (22/7):  Andréa Amorim, Larissa Liz, Karina Buhr e Elza Soares, com o show do premiado álbum A Mulher do Fim do Mundo.

Sábado (23/7): Romero Ferro, Cátia de França e Xangai; Elba Ramalho, com o repertório do disco Do Meu Olhar pra Fora; Zeca Baleiro e Paulo Lepetit.

Domingo (24/7): Amanda Back, Josildo Sá, Karynna Spinelli e Gal Costa, que apresenta, pela primeira vez em Pernambuco, o show Estratosférica.

Segunda-feira (25/7): Loucos Nordestinos, Cleyton Barros, Di Melo e Nação Zumbi.

Terça-feira (26/7): Antúlio Madureira, Academia da Berlinda e Otto

Quarta-feira (27/7): Juliano Holanda com Laila Garim; Roberta Sá e Alceu Valença.

Quinta-feira (28/7): Belinha Lisboa, Paulo Perdigão, Jorge Riba e Margareth Menezes, que canta Gilberto Gil e Caetano Veloso.

Sexta-feira (29/7): Nando Azevedo, Cristina Amaral, Maciel Melo e Santana.

Sábado (30/7): Kiara Robeiro, Siba, a banda Fulô de Mandacaru (que venceu a última edição do SuperStar) e Biquíni Cavadão.
Do JC Online.

A Eleição em Brejão.


O empresário Janduhy Bezerra (PTB), de Brejão, ainda não sabe quem será o seu adversário na eleição deste ano. É que os dois principais nomes da oposição no município, Sandoval Cadengue e Joseraldo Rodrigues, foram incluídos na relação de políticos inelegíveis divulgada pelo Tribunal de Contas do Estado.

Ronaldo Ferreira, atual prefeito, também está na referida lista, sendo talvez o único prefeito da região no primeiro mandato que não vai tentar a reeleição. Ficará ao lado de Janduhy que tem fama de homem correto desde os tempos em que trabalhou como escrivão de polícia.

Hoje o pré-candidato petebista dirige uma empresa bem sucedida no ramo de seguros, com filiais até em outros estados e mantém um nome limpo na praça, um diferencial em relação a muitos políticos.


Caso Sandoval ou Joseraldo tentem disputar a eleição, provavelmente terão de correr o risco de pedir voto sub judice.
Do Blog do Roberto Almeida.

segunda-feira, 11 de julho de 2016

Vida excluída.


A Secretária de Assistência Social Veridiana Cabral em visita às famílias da Zona Rural do nosso Município de Brejão deparou-se com uma situação de submundo em que vive uma família na Comunidade do Campo Comprido. Tamanha era a falta de condições de vida, em uma casa com telhado misto (telhas brasilit, pedaços de lata, lonas) e as paredes laterais de sacos de nylon e piso de barro batido, sem banheiro nem divisão de cômodos para a privacidade das pessoas.

A situação foi trazida ao conhecimento do Prefeito Ronaldo e numa operação conjunta (Prefeitura, Comerciantes) através de doações se conseguiu o material para a construção de uma casa de alvenaria que está sendo edificada no terreno ao lado do casebre onde vive a família.

Com a Graça de Deus e a ajuda da Prefeitura e de dona Veridiana e dona Jaqueline, agora eu tenho a casa que tanto sonhei. Pontou a senhora que não quis se identificar. 



sexta-feira, 8 de julho de 2016

Disque-Denúncia é suspenso no Agreste e reduzido no resto do Estado.


O serviço do Disque-Denúncia foi suspenso no Agreste e passou a funcionar somente em horário comercial nas outras regiões do Estado. Em nota oficial, a organização informou que a decisão foi tomada depois da Secretaria de Defesa Social (SDS) afirmar que não haverá renovação no repasse de recursos para apoiar a atividade.

Em 12 anos de atuação do serviço no interior de Pernambuco, foram recebidas mais de 112 mil informações, que auxiliaram a resolver crimes, encontrar procurados da Justiça e reunir famílias. “Mais de 1.5 mil criminosos foram presos graças à participação dos pernambucanos através das nossas linhas telefônicas e do site - serviço pioneiro em todo o território nacional. Ao longo desses anos, nas 139 cidades do interior do Estado atendidas pelo Serviço, nenhuma identidade foi revelada, com a garantia absoluta do anonimato”.

A Secretaria de Defesa Social informou, por meio de nota, que o serviço de delação anônima vem sendo realizado pela Ouvidoria da própria SDS, sendo “esta a unidade responsável por receber reclamações, denúncias, sugestões e informações diversas sobre órgãos vinculados a Secretaria, contribuindo para o fortalecimento da cidadania e a melhoria da qualidade dos serviços prestados pelas instituições de segurança pública”.


Para denunciar, a população deve ligar para os números (81) 3183-5009 ou (81) 3183-5059. O serviço que funciona de segunda a sexta, das 7h às 19h. A denúncia pode ser feita ainda pelo 190 , que continua ativo 24h, todos os dias.

quinta-feira, 7 de julho de 2016

Relembre principais fatos que levaram Eduardo Cunha a renunciar.

   
Considerado um dos principais protagonistas do processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff (PT), o deputado federal Eduardo Cunha (PMDB) iniciou a batalha contra o governo muito antes do afastamento da petista ser concluído na Câmara dos Deputados, em abril deste ano. A primeira derrota que ele imprimiu ao governo foi na própria eleição para presidência da Câmara, quando derrotou o petista Arlindo Chinaglia (PT) e Júlio Delgado (PSB). A escolha aconteceu no dia 1º de fevereiro de 2015.

Mas o primeiro ano de mandato de Cunha foi marcado por discussões acaloradas, projetos polêmicos, investigações complexas e denúncias de corrupção na Operação Lava Jato. Dois meses depois de eleito, Cunha entrou na mira do Supremo Tribunal Federal (STF). No dia 6 de março, o ministro Teori Zavascki autorizou a investigação de políticos suspeitos de envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras e derrubou o sigilo da lista de investigados. Entre eles, estavam Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e Renan Calheiros (PMDB-AL). Primeiro baque do deputado.

No mesmo mês, Cunha prestou depoimento na CPI da Petrobras e negou ter contas no exterior. A declaração foi dada meses antes de vir à tona investigação aberta pelo Ministério Público suíço, que apontou a existência de contas no nome dele no país europeu. O caso complicou a discurso do deputado.

Chocolate Kinder contém substâncias cancerígenas, diz ONG.


A ONG alemã Foodwatch afirmou que os chocolates Kinder contém óleos minerais potencialmente cancerígenos, e pediram que os produtos sejam retirados do mercado, de acordo com um comunicado.

A empresa Ferrero, que produz as barras de chocolate Kinder, garantiu que "uma ampla variedade de produtos alimentares de diferentes categorias estão afetadas" pela presença de hidrocarbonetos aromáticos derivados de óleos minerais, substâncias consideradas tóxicas.

"São necessários esforços conjuntos", disse a empresa em um comunicado, "tanto da parte dos representantes da indústria agroalimentar como dos agentes do comércio de matérias-primas na Europa e no exterior".

quarta-feira, 6 de julho de 2016

Delegados defendem extinção da SDS.


Em meio ao crescente índice de violência no Estado – são 1.731 homicídios de janeiro a maio, 111 a mais do que no mesmo período de 2015 – somado a uma forte crise financeira, a Associação dos Delegados de Polícia de Pernambuco (Adeppe) levanta a bandeira de extinção da Secretaria de Defesa Social (SDS). Na última edição do jornal da entidade, distribuído no mês passado, a ideia é defendida tanto por sua “má gestão” no combate à violência quanto pelo “peso” que representa financeiramente.

Conforme dados levantados pela entidade no Portal da Transparência, a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) 2016 prevê R$ 3,2 bilhões para a área de segurança pública. Desse montante, a maior parte (37,8%), o equivalente a R$ 1,235 bilhão, fica com a administração da SDS, enquanto a Polícia Militar, com cerca de 26 mil servidores, fica com 35,22% e a Polícia Civil, com 16,27%. Índices que se repetem há anos.

Reiniciam as obras da UBS – Unidade Básica de Saúde da Vila de Santa Rita.


Para quem entende como funcionam obras públicas e principalmente para quem deveria entender, foi liberada pelo Ministério da Saúde a 2ª parcela de 40% do valor da obra para continuidade dos serviços de construção da UBS da Vila de Santa Rita; e os serviços foram retomados.

Já a UBS da Comunidade do Mamoeiro está em fase conclusiva restando alguns retorques finais para colocação dos equipamentos e entrega em pleno funcionamento a população daquela comunidade.  

Obras Públicas começam, param e recomeçam tudo dentro do cronograma das instituições financiadoras.

Hoje recomeçaram as obras da UBS de Santa Rita, isto é: Brejão “Voltou a Crescer”. Tudo dentro da administração do Prefeito Ronaldo Ferreira.

Ver fotos. 

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Placas de obras inacabadas chamam a atenção dos cidadãos em Brejão.


Matéria publicada no Blog BREJÃO NA BOCA DO POVO.

Quanto aos questionamentos que o Vereador e Blogueiro faz sobre o porquê das obras não serem executadas? Os recursos, onde estão? De quem é a responsabilidade da não execução? Quem está fiscalizando estas obras? Será que estas benfeitorias serão entregues a população? 

Um Blogueiro postar algumas informações não condizentes aos fatos até que é admissível, haja vista que nem sempre o mesmo (Blogueiro) está capacitado para entender de todos os assuntos que veicula no seu Blog. Mas um Blogueiro e Vereador questionar publicamente os andamentos das obras do FEM é um tanto quanto deprimente saber que o representante do Poder Legislativo não tem conhecimento de como funcionam os repasses de verbas pelo Governo do Estado para o andamento das obras nos Municípios. 

Acreditamos que o Vereador deveria ter estas respostas para a população se procurasse se inteirar na própria Prefeitura, tratando-a com um relacionamento de Poder Legislativo e Poder Executivo e não querer sempre provar atos de lisura na atual administração municipal, sem, contudo obter sucesso.

De certa forma é compreensivo que o Vereador não tenha conhecimento por não frequentar a Prefeitura do Município para se inteirar sobre andamento das inúmeras obras que estão sendo executadas na Cidade. Mais até se o nobre Vereador se inteirasse na sua Casa Legislativa iria saber que as obras públicas e principalmente as do FEM, após licitações e projetos aprovados pela Secretaria Estadual responsável pelo tipo de obra é que a Secretaria da Fazenda libera os recursos de forma gradual, isto é: 30% do total para início da obra, que ao término são feitas as medições e prestado contas. Após fiscalização do Órgão competente é liberada a 2ª parcela de mais 30% do valor para que a obra tenha continuidade, até a sua conclusão onde o Município recebe os 40% restantes para pagamento a Construtora responsável pela construção da obra. Toda a demora é entre o tramite de execução dos serviços, medição, prestação de contas, fiscalização do órgão competente e liberação de verbas pelo Governo do Estado.

Estes fatos nos faz lembrar um Vereador de oposição na Cidade vizinha, Garanhuns, que tenta a todo custo denigrir a imagem do Prefeito Izaías Régis e só leva desacerto. O próprio povo já sentiu a sua descredibilidade nas denúncias e isso fortalece mais o Prefeito Izaías. O nobre Vereador, aqui de Brejão, tenta, com as mesmas armas do Vereador de Garanhuns, denigrir a imagem do Prefeito Ronaldo Ferreira. Isto é uma faca de dois gumes (ditado popular). O povo vai saber julgar. 


Seria bastante conveniente, também, se o nobre Blogueiro e Parlamentar procurasse explicar ao mesmo povo que cobra as soluções sobre as obras, o porque do Estádio Municipal, do Centro de Artesanato, da Quadra (hoje chamada Quadra Velha) e da Academia da Saúde nunca terem sido concluídas. Obras do ex-prefeito que hoje se coloca como pré-candidato ao cargo máximo do Município e que Vossa Excelência faz parte e apoia.

É fácil jogar a opinião pública sobre os políticos e principalmente um administrador, no entanto é mais coerente se procurar a verdade dos fatos e não brincar com o sentimento do eleitor.


Este Blog (Informativo de Brejão) sempre veicula matérias sobre políticos, sejam eles da esfera Nacional, Estadual ou Municipal informando a fonte e não fazendo suposições. Faço estas colocações, tentando preservar esta tão importante ferramenta que é um "Blog".


sexta-feira, 1 de julho de 2016

O Prefeito Ronaldo entrega cinco Poços Artesianos para as Comunidades da Medeia, Vista Alegre e Campo Comprido, todos em pleno funcionamento.


Dentre as Obras em andamento em Brejão, o Prefeito Ronaldo Ferreira começou este mês de julho entregando em pleno funcionamento, cinco Poços Artesianos para as Comunidades da Medeia, Vista Alegre e Campo Comprido.

Foram feitas redes de abastecimento para as casas daquelas comunidades e três chafarizes, todos com água correndo nas torneiras. Esses poços foram conseguidos junto ao Governo Federal, através do Programa “Água para Todos” e de fato é uma obra que vem beneficiar várias famílias carentes deste atendimento.

Não estamos cavando buracos nas estradas, nem enterrando canos e muito menos colocando torneiras nas portas das casas como fizeram no passado na Comunidade do Mamoeiro e vizinhança e hoje estão fazendo na Medeia e sítios vizinhos sem, contudo, chegar uma gota d’água nas torneiras. O nosso trabalho é sério e voltado para o bem estar das pessoas.

Não fizemos inaugurações visando aproveitar o momento político, porque o que queremos é propiciar bem estar as pessoas,por isso temos a certeza que as famílias que foram atendidas pelo projeto estão agradecidas por terem dentro de suas casas este líquido tão precioso que é a água e água própria para o consumo humano, de boa qualidade e em abundância. Pontuou Ronaldo.

Ver fotos.

Deputado diz que morte de empresário envolvido na Turbulência se aproxima da possibilidade de homicídio.

   
A oposição à gestão Paulo Câmara reforçou nessa quinta-feira (30) a tese de que é preciso federalizar as investigações sobre a morte do empresário Paulo César Morato. O depoimento mais contundente partiu do deputado estadual Edilson Silva (PSOL). “Acho que agora, na medida em que não foi confirmada morte natural, aproxima-se mais da possibilidade de homicídio”, disse.

De acordo com o parlamentar, a confirmação de que houve morte por envenenamento reforça a necessidade de federalização das investigações.

Além de Edilson Silva, outros membros da oposição endossaram a federalização após a confirmação de morte por envenenamento. “O próprio governo estadual deveria chamar a Polícia Federal para uma investigação conjunta para não dar margens a ilações”, declarou a deputada estadual Priscila Krause (DEM).

quinta-feira, 30 de junho de 2016

Outro detido na Operação Turbulência pede habeas corpus.


Os advogados do empresário Eduardo Freire Bezerra Leite, detido na Operação Turbulência, entraram nesta quarta (29) com pedido de habeas corpus no Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5ª). O caso, diferente de Apolo Santana Vieira, corre em segredo de justiça.

O desembargador Ivan Lira de Carvalho deve emitir a decisão de liberação ou não de Apolo nesta quinta (30). 

Caso o envolvimento de Eduardo Leite no caso seja apontado como o mesmo de Apolo, o desembargador poderá julgar os dois habeas corpus simultaneamente, sem a necessidade de pedir informações complementares aos demais órgãos do Judiciário, como foi feito com Apolo.

Eduardo Freire Bezerra Leite é proprietário da Cerâmica Camboa, era um dos que encabeçava a organização criminosa de desvio de recursos de obras públicas, como a Petrobras e a Transposição, para as campanhas de Eduardo Campos em 2010 e 2014.

Já Apolo Santana Vieira é dono de uma importadora de pneus em Jaboatão dos Guararapes. Em 2009, ele foi denunciado pelo Ministério Público Federal (MPF) por envolvimento em uma fraude de importação que teria causado R$ 100 milhões em prejuízo à Receita Federal.

Continuam detidos no Cotel João Carlos Lyra Pessoa de Melo Filho e Arthur Roberto Lapa Rosal.
Do JC Online.

quarta-feira, 29 de junho de 2016

1ª Festa do Cavalo - Brejão/PE - 24.06.16.

Irritado, Paulo Câmara pode demitir Secretário de Segurança Pública após nova trapalhada.


A revelação feita pelo repórter do JC, Raphael Guerra, de que a SDS mentiu novamente sobre a perícia não realizada dentro do quarto onde o empresário, Paulo Morato, foi encontrado morto, caiu como uma bomba no Palácio das Princesas. Irritado com a série de contradições da própria secretaria para o caso, o governador foi orientado por alguns assessores para demitir o Secretario, Alexandre Carvalho. Eles avaliam que a demora da polícia e as contradições nas declarações à imprensa apenas servem para estimular os boatos que inundam as redes sociais e que podem afetar, definitivamente, a imagem do PSB para as próximas eleições.

Na madrugada do dia 23, a delegada Gleide Ângelo solicitou, sim, perícia no local para fornecer provas que pudessem contribuir com as investigações, o que desmente as informações dadas pela Secretaria de Defesa Social. Através de uma nota, a SDS havia informado à imprensa que os peritos haviam ido ao local “espontaneamente” e sem “ordem superior”. Assim que chegou ao motel, a equipe recebeu ordem de deixar o mesmo sem a realização da perícia, o que motivou o espanto de muita gente e de técnicos da própria secretaria. O Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco, chegou mesmo a emitir nota oficial, na segunda-feira, onde solicitava “investigações” sobre o cancelamento da perícia.

Desfecho da Operação Turbulência deve coincidir com eleições, prevê MPF.


A Procuradoria da República em Pernambuco informou ontem que a expectativa do encerramento das investigações da Operação Turbulência e o ajuizamento da ação penal está previsto para ocorrer antes do fim do ano e a instituição não descarta que esse desfecho coincida com o calendário das eleições municipais, marcadas para outubro.

À frente do caso, o procurador da República Cláudio Henrique Dias afirmou que tão logo sejam coletadas provas suficientes da prática criminosa, o MPF ajuizará ação penal. "Apesar da imprevisibilidade do tempo de investigação, que depende de vários fatores, o MPF espera que a ação penal seja ajuizada ainda este ano, na maior brevidade possível", disse. Por ora, ele afirma que não vê necessidade da convocação de uma força-tarefa para atuar no caso.

Apesar da forte repercussão da Turbulência, por envolver o PSB, partido que comanda o governo estadual e a Prefeitura do Recife, o procurador afirmou não ter recebido até o momento "pedido de colaboração premiada por parte dos envolvidos na operação". Ele também não entrou no mérito sobre o pedido de federalização do caso solicitado pelo deputado estadual Edilson Silva (PSOL).

terça-feira, 28 de junho de 2016

São João da Saúde.


A Secretaria Municipal de Saúde de Brejão/PE idealizou um “Arraiá Junino” para comemorar o São João e São Pedro. A brincadeira foi nesta terça (28), onde o apelo ao Santo Casamenteiro, Santo Antônio, foi grande.

Muita alegria e descontração com a equipe da saúde e as presenças de alguns Secretários Municipal e o tão querido Prefeito Ronaldo Ferreira.

domingo, 26 de junho de 2016

O Prefeito Ronaldo Ferreira contempla a população de Brejão com mais dois novos veículos.

A Prefeitura de Brejão, através da Secretaria Municipal de Saúde, entregou a população, neste domingo (26), um veículo Doblo para uso exclusivo do TFD – Tratamento Fora do Domicílio e através da Secretaria Municipal de Assistência Social um veículo Palio para atender o Programa Bolsa Família.

Estes dois novos veículos veem para consolidar o compromisso do Prefeito Ronaldo Ferreira com o bem estar dos seus munícipes. A Doblo que atenderá ao TFD era uma preocupação constante do Prefeito pela necessidade de se dar uma melhor condição de transportes às pessoas que necessitam de fazer tratamento de saúde em outros municípios do Estado, principalmente em Recife.

Já o Palio é um veículos que veio para atender ao Programa Bolsa Família que estava carente deste veículo desde a gestão passada, quando o então Secretário Municipal de Assistência Social, usando o veículo Fiat Uno do Bolsa Família, em passeio ao Juazeiro do Norte no Ceará, teve o veículos tomado de assalto no retorno da viagem no trevo que dá acesso à BR 232 em São José do Belmonte. E como o Ex-Secretário não deu nenhuma explicação ao novo Gestor, foram tomadas providências junto ao Ministério Público, resguardando o atual Prefeito da responsabilidade do sumiço de um bem público, que segundo os conceitos do Programa Bolsa Família, aquele veículo não poderia sair, se quer, dos limites do Município.

Brejão está em festa, pois graças ao grande empenho do Prefeito Ronaldo Ferreira hoje temos o nosso próprio transporte para o TFD e restauramos a dignidade do Bolsa Família.

Isto é: “Compromisso com o Desenvolvimento”.

Ver fotos.




Doações da OAS para campanhas do PSB em Pernambuco crescem desde 2010.


Suspeita integrar um esquema de corrupção que teria alimentado campanhas políticas no Estado desde 2010, a construtora OAS aparece como importante doadora de recursos nas prestações de contas eleitorais de pelo menos três políticos pernambucanos: do ex-governador Eduardo Campos - vítima de um acidente aéreo -, do governador Paulo Câmara e do prefeito do Recife, Geraldo Julio, todos dos PSB. Segundos dados disponibilizados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), os valores investidos pela companhia nas campanhas de Eduardo para governador em 2010 e para presidente em 2014, além do montante repassado para as campanhas de Geraldo, em 2012, e de Paulo, em 2014, ultrapassam os R$ 5 milhões.

Nas prestações de contas das campanhas é possível verificar também um crescimento expressivo no investimento da OAS nas campanhas do PSB em Pernambuco. Em 2010, por exemplo, uma doação de R$ 300 mil foi registrada na declaração de Eduardo Campos ao TSE, quando este concorreu ao governo do Estado. Em 2014, quando o candidato ao mesmo cargo foi Paulo Câmara, o atual governador recebeu R$ 3,5 milhões da companhia.

As contas dos políticos revelam ainda que a campanha do prefeito Geraldo Julio foi irrigada com R$ 500 mil oriundos da OAS, uma das maiores doações recebidas pelo candidato.

Sobre o tema, o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, afirmou que ainda não comandava a legenda no período em que as doações foram feitas e que, por isso, não saberia informar detalhes a respeito dos repasses. Apesar disso, Siqueira afirmou que, além da OAS, várias empresas fizeram doações para estas campanhas e que tudo foi registrado e comunicado ao TSE. O presidente ainda disse que confia na correção de Eduardo Campos.

Procurada pela reportagem, a OAS informou que não vai se posicionar sobre o tema.
Do JCOnline.